Se copiar textos, atribua os créditos. Os direitos autorais são protegidos pela lei n°9610/98, violá-los é crime.

terça-feira, 16 de outubro de 2012

Nade.


Queria saber escrever sobre coisas menos clichês, sobre sentimentos menos passados, pessoas novas, atitudes diferentes, pensamentos inusitados. Mas aí… Ao olhar no espelho e deparar-me com a imagem ali refletida, dei por conta de que não existe nada melhor do que sentir orgulho, orgulho de si mesma. Saber que seus pensamentos ultrapassados, conservadores e por muitos considerados bitolados, são puros. Saber que a sua beleza é mais do que uma bunda e dois peitos. Saber que quando alguém precisa de alguém, é pra você que liga e é com as suas palavras de amparo que conta.  Escutar que seu abraço conforta, que até seu silêncio satisfaz. Poder sentir-se querido e bem-vindo nos lugares e perceber que com o tempo – esse é rei –, perceber que com o tempo, você passa a atrair pessoas exatamente assim pra perto, e tudo e todos que vão ficando é aquilo e aqueles que alcançaram um grau mais profundo e significativo, seja no sentido que for. Perceber que as coisas demoram muito mais pra machucar, não porque você se tornou frio, mas porque cresceu e está forte. Porque aprendeu qual é o real significado da palavra valor, e conjuga o verbo dar direitinho em se tratando de família, amigos e felicidade. Porque a vida vai te mostrar que o importante não é o quão forte você bate, mas sim, quanta porrada você aguenta. Vai te ensinar o significado de respeitar pai e mãe, mesmo que você não os tenha. Que amigos mesmo, de verdade, você conta nos dedos, e não enche uma mão. Que amizade é uma via de mão dupla. Que algumas raras pessoas fariam por você aquilo que você espera que alguém faça por você. Que felicidade não é roupa de marca e tênis do momento, taças de champagne e alguns beijos sem significado, felicidade é se amar por dentro, se sentir amado e saber corresponder, que felicidade é mais do que carne. Felicidade é não mentir. Mentira é uma felicidade instantânea, que vai doer muito mais depois. Que felicidade mais do que isso é olhar pra trás e se sentir bem pelo o que foi vivido, olhar pro agora e sentir orgulho, olhar pra frente e sentir coragem, coragem para acima de qualquer coisa saber seguir, seguir em frente é a ordem, e isso é esperançosamente lindo, por mais que as coisas mudem, o importante é você não mudar e se mudar, que faça para melhor.


“Só peixe morto vai a favor da correnteza.”

9 comentários:

  1. Oi! Não vi se tu já recebeu essa brincadeira que está rolando entre as blogueiras! Gosto muito do teu blog e tinha que indicar 11 blogueiras, então te escolhi também! Mas fique a vontade caso não queira também! Bjk ! http://melizecalgaroto.blogspot.com.br/2012/10/intimo.html

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelos lindos textos. Virei sua fã (;

    ResponderExcluir
  3. Flor, obrigada por colocar meu blog nos seus favoritos!

    Mas to fazendo dele algo pessoal e não quero muitas visitas. Pode tirar por favor?

    Obrigada, querida!

    ResponderExcluir
  4. Lindo, lindo, lindo. Ah, por favor, sinta-se bem como você é. Preocupe-se menos, seja feliz. Vou te contar um segredo. Saiba que há um Deus, no qual não apenas acredito, mas sinto-o vivo, em tudo, em mim, em todos nós. E este Deus lhe sorri, quando percebe em ti sua essência, em uma palavra: amor.

    ResponderExcluir
  5. Maravilhoso o texto!Vou usá-lo na minha aula de Ensino Religioso! Muito Obrigada! ;)

    ResponderExcluir
  6. Lari que saudadeeeeeeeeeeee <3'

    saudade de ver escrito o que eu estou passando..

    ResponderExcluir
  7. me identifiquei com o texto, a gente temm que ir para aonde quer ir, ficar com quem quiser, ser feliz da sua maneira e seguir os padrões sem o compondo com seu perfil. Amar a si é construir aos poucos seus pontos fortes e fracos e abusá-los ao seu favor. Você é linda do jeito que deus te fez e que sorrir é o melhor remédio para amenizar as dores. Post inspirador menina.

    ResponderExcluir